Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Operação Amazônia: Marcha para o Combate 17ª Brigada de Infantaria de Selva

O Comandante do Teatro de Operações - General Theophilo - acompanhou durante esta quarta (25 de agosto) as ações da 17ª Brigada de Infantaria de Selva (17ª Bda Inf Sl), no contexto da Operação Amazônia.

A verificação teve por objetivo acompanhar, a bordo da embarcação utilizada como Posto de Comando Fluvial (PC Flu) da 17ª Bda Inf Sl, o trabalho de Comando e Estado-Maior da Brigada em situações de conduta.

Durante a jornada, foi verificado o escalonamento da 17ª Bda Inf Sl em sua Marcha para o Combate fluvial e os obstáculos e posições inimigas figuradas pela Força Oponente (FOROP).

Teve destaque a simulação de ataque aéreo (com apoio de aeronaves prestado pelo 2/3 GAv, Unidade Aérea da FAB sediada em Porto Velho/RO) - defendido por elementos do 12º Grupo de Artilharia Anti-Aérea de Selva (12º GAAAe Sl), que se encontravam com suas unidades de tiro em embarcações fluviais.

Destacou-se também o ataque a posição inimiga situada em uma das margens do Rio Madeira - Eixo de Progressão fluvial da Brigada - com emprego de tropa de engenharia de combate na abertura de passagens em obstáculos.

A verificação das ações ultrapassou 8h (oito horas) de duração, evidenciando a diversidade de incidentes e a abrangência das operações.

Em continuidade à marcha para o combate, a 17ª Bda Inf Sl será também empregada no ataque a tropas inimigas homiziadas em Borba/AM, localidade considerada acidente capital para a conquista dos objetivos da Força Terrestre Componente na reconquista do território ocupado pelo PAÍS VERMELHO no quadro tático da Operação Amazônia.


A Operação Amazônia é o maior exercício de defesa da Pátria já realizado em nossa estratégica região.

registrado em:
Fim do conteúdo da página